Notícias

Mulher investigada por ser funcionária fantasma de Bolsonaro recebe apoio de Flávio para ser vereadora


Mulher investigada por ser funcionária fantasma de Bolsonaro recebe apoio de Flávio para ser vereadora
Wal do Açaí aparece em vídeo ao lado do senador, que diz: ‘levou pedrada por estar no entorno de Bolsonaro’

DOCUMENTOS PERDIDOS SHOPPING

Mulher investigada por ser funcionária fantasma de Bolsonaro recebe apoio de Flávio para ser vereadora

Wal do Açaí aparece em vídeo ao lado do senador, que diz: ‘levou pedrada por estar no entorno de Bolsonaro’
Uma ex-funcionária de gabinete do presidente Jair Bolsonaro em seus tempos de deputado federal, que é investigada por supostamente ter sido uma assessora fantasma, recebeu apoio do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) à sua pré-campanha para vereadora de Angra dos Reis (RJ).
Wal do Açaí (como se denomina nas redes sociais) é Walderice Santos da Conceição e esteve com o senador na última semana na inauguração de uma sede da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na cidade.

Lá, Flávio gravou um vídeo com Wal no dia 4 de julho, chamando-a de “Wal do Bolsonaro” e endossando o apoio da família à mulher, que é investigada pela Procuradoria do Distrito Federal por receber salário como servidora pública e não atuar no gabinete de Bolsonaro.

Em uma reportagem de janeiro de 2018, a Folha de S. Paulo encontrou Wal na Vila Histórica de Mambucaba, a 50 quilômetros de Angra dos Reis, onde fica a casa de veraneio do deputado. No local, ela mantém um pequeno estabelecimento comercial que vende açaí e cupuaçu. Seu marido prestava serviços de caseiro a Bolsonaro.

Enquanto cuidava do negócio, ela recebia R$ 1,351,46 como funcionária do gabinete do então deputado Bolsonaro. No entanto, ela aparentemente não desempenhava funções ligadas à atividade parlamentar do ex-parlamentar. Na ocasião, Bolsonaro afirmou a repórteres da Folha que a servidora reportava a ele ou ao seu chefe qualquer “problema na região”.

Apesar do processo na Procuradoria, ainda não houve recolhimento de depoimento de Walderice desde 2018.

“Meus amigos aqui de Angra dos Reis, tô aqui com Denilson, e com a Wal do Bolsonaro, que é uma referência pra mim aqui na região de Angra, uma pessoa dedicada e trabalhadora que, a exemplo de várias pessoas que estão no entorno do presidente Jair Bolsonaro, levam pedrada porque são pessoas corretas, honestas, corretas e que só querem fazer o bem para o próximo”, diz Flávio, referindo-se a Wal e a seu marido.

“Wal, todo nosso apoio. Ela é pré-candidata a vereadora aqui do município de Angra dos Reis, tem o nosso apoio. Que Deus ilume sua caminhada. Denilson, conte com a gente.”, conclui o senador.


Wal se demitiu após jornalistas terem conversado com ela em seu local de trabalho, onde ela teria afirmado que era a funcionária citada por Guilherme Boulos (então candidato à presidência pelo PSOL) em um debate na época das eleições. Boulos perguntou para Bolsonaro “Quem era Wal?”. Depois, Bolsonaro confirmou sua exoneração e disse que o crime de Wal “era dar água para seus cachorros”.

   


ENTRE EM CONTATO CONOSCO

contato@documentosperdidos.com.br

Cariacica/ES

O Portal Documentos Perdidos é um Ferramenta gratuita que possibilita o cadastro e consulta de documentos que foram perdidos, contando também com um cadastro de pessoas desaparecidas.
COMPARTILHEM NOSSO SITE EM SUAS REDES SOCIAIS